Detalhes do produto

ELUCUBRAÇÕES ESPARSAS: A cotidianidade ontologicamente ressignifi cada
Disponibilidade: Em estoque
R$ 25,00

  Sinópse
Trata-se, de fato, de uma obra rica, interessante e que se aloca numa posição de relevância no universo da produção literária e fi losófi ca pelo ineditismo das temáticas trabalhadas, pela forma criativa como os textos foram concebidos e, sobretudo, pela exatidão crítica e espessura refl exiva com as quais as abordagens foram realizadas. Com essas características, a leitura dessa produção intelectual nos impõe deveras “elucubrações esparsas” a partir de palavras escolhidas para serem capazes de nos conduzir ao fundo do nada, colocando-nos, logo de início, diante da dor, do desamor, do desamparo, da solidão e da egoniilidade. Como se não bastasse, essa obra, ainda em seu começo, atenta ao seu contexto temporal e procura refl etir acerca de uma proposição ética para o novo milênio, apresentando-nos uma apreciação sobre a “arte de desamar” e as muitas armadilhas de nossas fantasias cotidianas.
  Ficha técnica
ISBN: 9788581511153
Edição:
Ano de publicaçao: 2015
Nº de Páginas: 160
Formato: 15x22cm
Idioma: Português
  Sobre o autor
Paulo Sérgio Bomfim
Advogado, Graduado em Filosofia pela UESC, com habilitação para a docência em Filosofia, Psicologia e Sociologia; Especialista em Direito Processual Civil e Psicopedagogia; Mestre em Cultura e Turismo pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) e Professor do Curso de Direito da Faculdade de Tecnologia e Ciências (FTC) em Itabuna – Bahia e da Faculdade Madre Thaís em Ilhéus (BA); membro acadêmico da AGRAL – Academia Grapiúna de Letras de Itabuna, onde ocupa a cadeira no. 40; membro acadêmico fundador e atual Presidente da ALJUSBA – Academia de Letras Jurídicas do Sul da Bahia, onde ocupa a cadeira de no. 05. Autor do livro “Elucubrações Esparsas – A Cotidianidade Ontologicamente Ressignificada”.

Se preferir compre em um site parceiro